www.laerciobeckhauser.com http://br.youtube.com/labeckhauser

LAÉRCIO  BECKHAUSER =  LBW +  Cosmos Brasil World

"Conhecimento é poder"  - Leia os textos! - LBW =  Beckhauser agradece!!!

(Lalá do Brasil) Labeck = LBW
Meu Diário
21/06/2015 13h20
A felicidade é a harmonia cósmica.

Existem centenas e centenas de conceitos e frases tentando definir o que é a felicidade.

Existem diversas formas de pensar e de expressar este sentimento que nos faz amar a vida e tudo aquilo que nos cerca.

Quando você atingir este estado de felicidade, você, para continuar feliz, deverá compartilhar com o meio onde você vive este estado sentimental.

A felicidade possui dois componentes para continuarmos felizes. Temos que conquistar para depois compartilhar.

O compartilhamento amplia os momentos desta conquista. O tempo demora mais a passar, e a felicidade continua presente no presente.

Dizer que a felicidade é um propósito de vida, é uma atitude, é efêmera, é impalpável, é impossível, é realização, é variada e está nas coisas simples, é ganhar, é sensual,

é cooperativa, é inocência, é estupidez, é racional, é negativa, é positiva, é imaginativa, é fantasia, sim,  talvez seja a somatória de todas estas qualidades e afirmações.

 

Temos que usufruir desta conquista e ampliar esta FELICIDADE efêmera para que perdure em toda a nossa existência terrena e cósmica.

E isto é a máxima sabedoria humana e a lucidez plena de quem tem conhecimento para que a vida se torne uma permanente harmonia universal.


Publicado por Beckhauser em 21/06/2015 às 13h20
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.laerciobeckhauser.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
18/06/2015 17h26
Trova literária - Dicas

Trova literária

Deverá ter a trova literária rima, métrica, cadência, cesura, graça, beleza, espontaneidade, criatividade e qualidade poética.

A trova é uma poesia também denominada quadra ou quadrilha. Quadra por ter quatro linhas ou versos.

A quadra pode ter formulações diversas com estes esquemas de rimas:

ABBA, ABBA e AABB, primeiro verso com o terceiro, segundo com o quarto (ABAB) e assim por diante.

"Saudade é uma loucura

dos tempos que já passaram.

Lembranças com mais doçura

de coisas que não ficaram."

(Laércio Beckhauser).

=======================

Qual motivo deste por que?

Oh! Todos porquês existem.

E eu lhe pergunto por quê?

Porque todos eles resistem.

(Laércio Beckhauser)

===================================

 =============================================================

 

 

 

 


Publicado por Beckhauser em 18/06/2015 às 17h26
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.laerciobeckhauser.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
16/06/2015 21h31
Trova das namoradeiras...

Trova das namoradeiras...


Publicado por Beckhauser em 16/06/2015 às 21h31
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.laerciobeckhauser.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
16/06/2015 10h32
O Facebook é nosso elo! = Acróstico

Facebook  é nosso elo!      =  Acróstico


Ouvir as estrelas e as pedras...


Fazer dos pensamentos poesias e sentir o ar...
Articular e receber inspirações angelicais,
Carismáticas e celestiais...
Excitar  nossos sentimentos...
Burilar nossas emoções...Organizar nossas amizades

Ordenar nossas ações

Karismáticas e fraternais.

É a alegria contagiante...

Na doçura de nossa linguagem...
Ouvindo sons inaudíveis...
Satisfazendo nossos anseios...
Sublimando nossos desejos...
Observando nossas vidas finitas...

Emoldurando nossas amizades...
Latente, permanente e eterna nesta vida virtual...
Oh!  Desejos infinitos!  Oh! Sentimentos inefáveis!
...facebook é nosso elo!


Publicado por Beckhauser em 16/06/2015 às 10h32
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.laerciobeckhauser.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
21/05/2015 16h38
Trova da Pinga Abençoada

TROVA DA PINGA ABENÇOADA


Toda pinga é abençoada,
Da esquerda ou da direita,
Minha vida está acabada,

Eu fugi daquela seita

...

Isto é coisa do capeta,
Já dizia o vovô DIRCEU,
Ao pastor minha careta,
Cantava um grande ATEU.

...

Este canto aqui é meu,
Dizia alto o beberrão.
Este crente já sofreu,
Faltou pinga e quentão!

 

 

"Pinga abençoada" = Bar do Araújo...
Um prédio foi construído para que a família aumentasse seus rendimentos mensais com o aluguel das três salas comerciais.


A sala da direita do imóvel foi alugada por uma denominação religiosa evangélica (Deus é Amor).  No bairro, o sucesso foi rápido e muitos fiéis começaram a frequentar os cultos.

Um pastor  evangélico (IURD)  de outra denominação religiosa alugou a sala do lado esquerdo e também  obteve ótimos resultados. A sala do meio, estava vaga.

Nisto, o Araújo, irmão de um dos pastores, teve uma brilhante ideia. Alugou a sala central e implantou um bar que servia lanches e bebidas em geral.

Local abençoado, este bar do irmão Araújo, de todos os lados os irmãos cantavam louvores ao Senhor...


Para confirmar, veja a fonte destas informações: http://www.recantodasletras.com.br/trovas/5249875

 

 


Publicado por Beckhauser em 21/05/2015 às 16h38
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.laerciobeckhauser.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Página 8 de 247 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
www.laerciobeckhauser.com (Lalá do Brasil) = LBW Labeck