www.laerciobeckhauser.com http://br.youtube.com/labeckhauser

LAÉRCIO  BECKHAUSER =  LBW +  Cosmos Brasil World

"Conhecimento é poder"  - Leia os textos! - LBW =  Beckhauser agradece!!!

(Lalá do Brasil) Labeck = LBW
Meu Diário
14/08/2014 07h05
Uma vez Joinville, sempre Joinville!


 

 
image.php?userid=20405&imageid=414366.jp
FENACHOPP de Joinville (SC), informações e dados adicionais.


FENACHOPP de Joinville (SC),

informações e dados adicionais.

Em maio de 1984, foi lançado em Santa Catarina um livro sobre Cerveja caseira onde havia uma declaração do autor que Santa Catarina iria se tornar a Bavária Brasileira em relação da produção de cervejas artesanais (caseiras) e festas populares tipo da Oktoberfest de Munique (Baviera), Alemanha.

?type=photo&id=1019594&maxw=520&maxh=102  Primeiro livro de cerveja caseira publicada na língua portuguesa,  no mundo.

Em meados do ano de 1984, o Secretário Municipal de Turismo de Blumenau, Sr, Pedro Nunes,  após uma conversa em viagem internacional (Orlando - USA), com o autor do livro do Livro de "O MUNDO DA CERVEJA CASEIRA E OUTRAS BEBIDAS", Laércio Beckhauser, dialogaram sobre as possibilidades de incrementar o turismo do Vale do Itajaí ficando deste encontro a sugestão de fazer também em Blumenau uma grande festa de outubro, como uma réplica da festa alemã, conhecida pelos imigrantes germânicos que cultuavam suas tradições origininais no Vale do rio Itajaí.

Em outubro de 1984, começou a primeira grande festa de outubro de Santa Catarina, nos pavilhões da PROEB de Blumenau, após uma grande enchente do rio Itajaí Açu, que inundou  a cidade.
Joinville, começou a sua grande festa de da cerveja e do chope, nos pavilhões da Expoville,  em outubro de 2008.
.
?type=photo&id=1019600&maxw=520&maxh=102

Choppemduzia (Concurso)

?type=photo&id=1019591&maxw=520&maxh=102

Primeiro Bierwagen nas ruas de Joinville com o Fritz e a Frida (1988)

Com o sucesso e a repercussão deste evento popular, cidades como Itajaí, Brusque, Rio do Sul, Jaragua do Sul resolveram fazer suas festas populares neste mês de outubro.

Em 1988, com o apoio do governo municipal de Joinville, na gestão do prefeito Wittich Freitag, duas entidades sem fins lucrativos de Joinville, CLUBE DE ORATÓRIA E LIDERANÇA DE JOINVILLE (COL-JOINVILLE) e Lions Clube Cidade de Joinville, elegeram o representante e empresário Laércio Beckhauser, para coordenar e comandar a primeira FENACHOPP - Festa Nacional e Internacional da Cerveja e do Chope.

Ficou conhecida como  "Fenachopp de Joinville" e sempre teve como objetivo seguir os passos da festa realizada em Blumenau e com características regionais do Norte de Santa Catarina.

 

Mais de duas milhões e quinhentas mil pessoas passaram pelos pavilhões da Expoville, local sede do evento em todas edições que foi realizada de 1988 até o ano de 2003, consecutivamente.

?type=photo&id=1019592&maxw=520&maxh=102 Cultura e tradição germânica da RUA DAS PALMEIRAS em Joinville

Era considerada a maior festa de outubro de Santa Castarina em dias consecutivos, pois começava um dia antes da Oktoberfest de Blumenau e terminava um dia depois do encerramento do evento blumenauense.

?type=photo&id=1019591&maxw=520&maxh=102                   Bierwagen (distribuia chope gratuito nas ruas de Joinville) .

Vídeos no youtube:

Nestes vídeos há a possibilidade de uma análise mais detalhada deste evento que marcou o calendário das festas de outubro de Santa Catarina e de Joinville, por mais de uma década.

a) HISTÓRIO E REPORTAGENS com dados +++

http://www.youtube.com/watch?v=JTnHAVgDPb0

 

ESTES DADOS ESTÃO PUBLICADOS NO VÍDEO DO YOUTUBE:

Fenachopp
Tem como objetivo preservar as tradições dos imigrantes alemães e mostrar a hospitalidade e a alegria dos moradores da região. Como nome já diz, muito chope para animar os visitantes.
...
Em Joinville, realiza-se a FENACHOPPMUSIKUNDTANZ Festa Nacional e Internacional da Cerveja, Música e Dança. Entre as principais atrações da Fenachopp estão o concurso nacional de tomadores de "choppemdúzia" (assim mesmo, escrito tudo junto), o concurso de degustação de cervejas nacionais e internacionais, ("Degustabier"), a maratona do barril, em que os participantes correm algumas centenas de metros carregando nas costas um barril de madeira de 23 quilos e o "Choppwagen", o carro do chope.
...
Fenachopp é a Festa Tradicional do Chope, que se realiza na cidade de Joinville, DESDE 1988, sempre no mês de outubro. A próxima edição será REALIZADA APÓS DECISÃO JUDICIAL. A festa está suspensa temporariamente. Está sendo discutida no Forum de Joinville, pois os organizadores (AFABE) tinham feito a reserva dos pavilhões da Expoville e estes foram indevidamente ocupados pela Promotur e Shirbes. A Fenachopp faz parte do Circuito das FESTAS DE OUTUBRO DE SANTA CATARINA - BRASIL. MAIS DE TRÊS MILHÕES DE PESSOAS PARTICIPARAM DESTE EVENTO EM SUAS SUCESSIVAS EDIÇÕES.
(Em novembro de 2009 houve um acordo judicial, no Forum de Joinville entre os promotores do evento e em 2010, para o mês de outubro já foram reservados os pavilhões da Expoville, na PROMOTUR/PMJ, para reativar este evento e/ou outro similar na cidade de Joinville - SC).

?type=photo&id=1019599&maxw=520&maxh=102

Obs.: Como ainda os pavilhões da Expoville estão em reforma e não oferecem a infraestrutura adequada para uma área de alimentação necessária pela grandiosidade deste evento ou algo similar, os promotores estão analisando a continuidade desta festa popular.

Em 2014, a iniciativa privada administra os pavilhões da Expoville e volta a possibilidade de Joinville ter a continuidade de uma tradição interrompida.

Prosit!
Alles zu seiner Zeit!

 

b) Nossa História (TV Esperança de Joinville - Vídeo)

http://www.youtube.com/watch?v=kx9kM4WUjLY

Série de programetes exibidos na TV Brasil Esperança em 2006.
Tema: Fenachopp
Reporter: Danielle de Oliveira
Imagens: Ednei Fernando
Edição: Anderson A. Alberton

 

c) Joinville FENACHOPP 2 - História e vídeos - 2001

Dados adicionais do SBT e Jornal A Notícia

...

A repórter, vendo as imagens da festa afirma:

"É QUE FESTA QUE ELES FIZERAM, HEIN! ..."

 

http://www.youtube.com/watch?v=zRNDJAp4Oy8
---
Veja neste ssite do Jornal Notícias do Dia, informações adicionais:

http://m.ndonline.com.br/joinville/noticias/113156-dez-anos-sem-a-fenachopp-em-joinville.html

 

...

?type=photo&id=1019590&maxw=520&maxh=102 

E a pergunta que muitos fazem?

E  Fenachopp vai voltar?

Responde-se com a frase alemã:

Alles zu seiner Zeit!  (Cada coisa ao seu tempo!)

     E esperamos que Joinville tenha mais CONTEÚDO em sua administração municipal e que possa Joinville ter o brilho com uma grande festa popular rememorando as tradições germânicas de muitos imigrantes e seus descendentes que optaram em viver no solo catarinense há mais de um século. 

 

E isto independe do mês e da data de realizarmos uma GRANDE FESTA POPULAR EM JOINVILLE com características culturais dos nossos imigrantes  do passado e  dos atuais moradores  nesta importante cidade catarinense que é denominada como  Joinville.

 
 

?type=photo&id=1019593&maxw=520&maxh=102

 

Amor por Joinville, sempre.
Uma vez Joinville, sempre Joinville.
?type=photo&id=1019604&maxw=520&maxh=102 
?type=photo&id=1019605&maxw=520&maxh=102 
?type=photo&id=1019606&maxw=520&maxh=102 
Alles zu seiner Zeit!
Uma vez Joinville, sempre Joinville!

 

 
Publicado por Beckhauser em 05/10/2011 às 09h22

Publicado por Beckhauser em 14/08/2014 às 07h05
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.laerciobeckhauser.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
09/08/2014 23h03
Contentamento ...

Acróstico...

Oh! Contente estou agora

Lamentando a tua ausência...

Imagino tê-la logo ao meu lado

Vendo-a com imenso prazer

Amando, talvez com muito ardor...

 


Publicado por Beckhauser em 09/08/2014 às 23h03
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.laerciobeckhauser.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
09/08/2014 21h21
Pai. Todos temos, alguns presentes, outros ausentes.

 

Pai.



Todos temos, alguns presentes, outros ausentes.

Presentes em vida, ausentes na morte.

Presentes na morte, ausentes na vida.

Subjetivismo e incompreensões por fatos e atos em vida.

Entendimento, compreensão e conhecimento após a morte dos progenitores.

O tempo é o senhor da razão.

A razão e o conhecimento surgem com o tempo.

Esta é a nossa vida terrena.

Entendê-la ( a vida) é nossa obrigação para vivermos felizes.



E a análise histórica de nossos pais faz parte integrante da nossa
passagem terrena para um entendimento de nossa vida.

Mais dados aqui neste site:

http://www.familiabeckhauser.com.br/

http://www.familiabeckhauser.com.br/genealogia.php


Publicado por Beckhauser em 09/08/2014 às 21h21
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.laerciobeckhauser.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
03/08/2014 14h50
Certeza e dúvida no amor.

Certeza de desamor de cima para baixo,

dúvida amorosa de baixo para cima,

você é meu amor!

 

Meu amor!  Ainda posso dizer que você é o meu  grande amor?

Estou em dúvida, uma cruel dúvida.

Você me feriu.  Você me traiu. Você me trocou por outro amor.

Sempre acreditei em você, mas agora tudo é diferente.

Pessoas novas entraram em nossas vidas.

E nada, nada é com era antes.

Não acredito mais em você, não adianta insistir.

Tenho outras coisas a fazer.

Esqueça-me e saia da minha vida, agora.

Suma da minha vida. Desapareça para sempre.

...

Agora leia este poema de baixo para cima...


Publicado por Beckhauser em 03/08/2014 às 14h50
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.laerciobeckhauser.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
02/08/2014 22h53
Bastidores do Éden... As Poderosas e sua criação.

 

E Deus disse para Adão, no possível paraíso:

 

 


 

" Estás solitário meu filho e sem

problemas, mas eu tenho o poder de

criar  algumas  dificuldades

incompreensíveis"...

 

- Oh! Deus, aposto minha costela, pois

 

neste paraíso nem Internet existe... é

 

uma monotonia total...

 

- E Deus fez da costela de Adão,


sua eterna e complicada companheira!


Ah!

Este "Todo Poderoso",

criou AS PODEROSAS....


Publicado por Beckhauser em 02/08/2014 às 22h53
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.laerciobeckhauser.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Página 17 de 248 « 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 » [«anterior] [próxima»]

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
www.laerciobeckhauser.com (Lalá do Brasil) = LBW Labeck